Incêndio em depósito de gás trás a questão da importância e funcionalidade do seguro

Um depósito de gás pegou fogo na manhã do dia 3 de novembro na Vila Leopoldina, em Duque de Caxias, na Baixada Fluminense. De acordo com Sergio Ricardo, consultor e professor, além dos seguros empresariais normais para cobrir os danos próprios, resta saber se o depósito tem contratada uma apólice de RC Operações, porque há inúmeros prejuízos a terceiros que a empresa terá que fazer frente.

Além dos danos materiais, há também os danos corporais, ou até mesmo morte de pessoas próximas ao local, prestadores de serviço que estivessem ao redor e funcionários que estão próximos aos botijões. “Neste caso, seria até interessante ter contratada uma apólice ou pelo menos a cobertura de RC Empregador”, conclui Sergio.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *